Skip to main content

Unigel investirá até US$ 1,5 bi na Bahia para produção de “hidrogênio verde”

Essa será primeira instalação do país para produto em escala industrial
| Oton de Oliveira | Comportamento
459 Visitas

Unigel é uma empresa multinacional brasileira do ramo petroquímicoUnigel é uma empresa multinacional brasileira do ramo petroquímicoReuters/Amanda Perobelli


Unigel é uma empresa multinacional brasileira do ramo petroquímicoUnigel é uma empresa multinacional brasileira do ramo petroquímicoReuters/Amanda Perobelli

A indústria química brasileira Unigel anunciou nesta quarta-feira (18) que investirá até US$ 1,5 bilhão em seu complexo na Bahia para produção do chamado “hidrogênio verde“, a primeira instalação do país para o produto em escala industrial.

Localizada em Camaçari (BA), a fábrica deve ter a primeira de três fases inaugurada até o fim deste ano, ampliando a capacidade até chegar a 2027 produzindo 100 mil toneladas de hidrogênio, ou 600 mil de um de seus derivados, a amônia.

A primeira fase do projeto foi anunciada em meados do ano passado, com investimento de US$ 120 milhões e capacidade de produção de 10 mil toneladas por ano de hidrogênio verde e de 60 mil toneladas por ano de amônia verde.

O hidrogênio é usado como combustível para veículos e insumo em indústrias como siderurgia e refino de petróleo. A amônia também pode ser empregada como combustível de navios graneleiros e na fabricação de fertilizantes e acrílicos.

Mas diferente da produção tradicional, na qual o insumo é o vapor do gás natural, o hidrogênio verde é obtido a partir da conversão de energia de origem eólica ou solar, com uso de eletrolisadores que serão fornecidos pela europeia thyssenkrupp nucera.

Fase Hidrogênio Verde (kt/a) Amônia Verde (kt/a) Investimento (US$ milhões) Investimento (R$ milhões) Entrega
1 10 60 120 620 2023
2 +30 +180 +420 +2.180 2025
Total até 2025 (1 + 2) 40 240 540 2.800 (2,8 bilhões)  
3 +60 +360 +960 +5.000 2027
Total até 2027 (1 + 2 + 3) 100 600 1.500 (1,5 bilhão) 7.800 (7,8 bilhões)